Categoria:

Estupro dentro do relacionamento é desafio no combate à violência contra mulher

Lei Maria da Penha é clara ao definir como violência doméstica a realização de qualquer prática sexual não consentida, mesmo em se tratando de cônjuges. Campo Grande (MS) – “Eu achava que era minha culpa por não corresponder às práticas sexuais dele. Ele se aproveitava e fazia cada vez mais coisas que eu não queria. […]

(Leia mais)
Categoria:

Após 30 anos de casamento, marido é preso por submeter esposa a rituais de tortura

Agressões tiveram fim quando vítima procurou Delegacia da Mulher e registrou ocorrência; hoje ela frequenta Centro Especializado de Atendimento à Mulher (Ceam) do Governo do Estado. Campo Grande (MS) – Com 30 anos de casada, a monitora de alunos R.M.A, de 54 anos, – cuja identidade será preservada -, passou a viver um pesadelo dentro […]

(Leia mais)
Categoria:

“No início eu pensei que fosse amor, mas percebi que era posse”, diz advogada vítima de agressão doméstica

Agressões eram motivadas por controle excessivo do marido, que pioraram após ela passar no exame da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e manifestar o desejo de iniciar carreira. Campo Grande (MS) – A advogada G.M.R, de 39 anos – cuja identidade será preservada -, conta que sempre trabalhou muito até conseguir realizar o sonho […]

(Leia mais)
Categoria:

No mês das mulheres, Subsecretaria ensina como identificar relacionamentos abusivos

Atendimentos nos serviços estaduais de proteção à mulher revelam agressões gradativas que iniciam com gritos e xingamentos e, quando não interrompidas, podem chegar a feminicídios. Campo Grande (MS) – “O relacionamento com meu agressor começou maravilhoso, ele me fazia sentir especial e amada. Mas com o tempo começou a me controlar aos poucos, minha roupa, […]

(Leia mais)
Categoria:

Com ajuda do Governo do Estado, mulheres conseguem romper ciclo da violência

 Série de matérias irá mostrar relatos de mulheres que encontraram na estrutura oferecida pela gestão estadual o amparo de que precisavam para superar situações de risco. Campo Grande (MS) – Suas idades e classes sociais variam, mas em comum elas têm as histórias de violência que carregam: são sobreviventes de feminicídios, vítimas de estupro, tortura […]

(Leia mais)