Governador assina decretos da reestruturação administrativa do Estado


Lívia Machado Categorias: Fonte: Portal do Governo de Mato Grosso do Sul 108 visualizações

A reorganização na estrutura do governo engloba a redução no número de secretarias de 13 para 10, a redistribuição de subsecretarias e a fusão das antigas pastas da Casa Civil, Habitação e Produção e Agricultura Familiar.

Os decretos com o novo reordenamento foram assinados nessa sexta-feira, 17 de março, pelo governador Reinaldo Azambuja. A proposta prevê uma economia de 134 milhões de reais aos cofres públicos.

Dentro da nova estrutura, a Secretaria de Governo e Gestão Estratégia incorpora a Subsecretaria de Comunicação, Defesa Civil, Cerimonial e a Subsecretaria de Relações Institucionais. A atividade de orçamento da Segov será agora função da Secretaria de Estado de Fazenda. Segundo o secretário Eduardo Riedel, as mudanças não interferem no andamento das ações governamentais.

A antiga Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Econômico passa a ter sob sua responsabilidade a Produção e Agricultura Familiar, as agências Iagro e Agraer, e as Fundações de Ciência e Tecnologia e de Turismo. A partir das alterações a nova sigla Semagro, tem como titular o secretário Jaime Verruck.

A Secretaria de Estado de Cultura, Turismo, Empreendedorismo e Inovação foi desmembrada e passa a se chamar Secretaria de Estado de Cultura e Cidadania. Conforme o secretário Athayde Nery passam a integrar subsecretarias que prestam atendimentos à grupos específicos da sociedade.

Parte das alterações na estrutura, bem como a extinção de cargos e exonerações foram publicadas na edição do Diário Oficial do Estado do dia 17 de março.

Lívia Machado – Subsecretaria de Comunicação de Mato Grosso do Sul