Governo Presente: prefeito de Dois Irmãos do Buriti pede recapeamento e pontes de concreto


Paulo Fernandes Categorias: Fonte: Portal do Governo de Mato Grosso do Sul 262 visualizações

Aquidauana (MS) – Abrindo os atendimentos de sexta-feira (4.10), o prefeito Edilsom Zandona (Manguinha), de Dois Irmãos do Buriti, pediu ao governador Reinaldo Azambuja o recapeamento de algumas vias urbanas e a construção de pontes de concreto para o escoamento da produção agropecuária. O Governo Presente acontece desde ontem em Aquidauana.

Edilsom Manguinha também fez elogios ao Governo Reinaldo Azambuja. “Para Dois Irmãos [do Buriti] está sendo um ótimo governo. A presença dos vereadores mostra que independente de sigla partidária precisamos estar unidos”, disse.

Quase 70% dos investimentos e repasses do Governo do Estado desde a primeira administração de Reinaldo Azambuja em Dois Irmãos do Buriti são na área de infraestrutura – R$ 34,46 milhões de um total de R$ 50,545 milhões.

Entre as obras já entregues estão a pavimentação asfáltica e drenagem de água pluviais da avenida Aeroporto, ruas Campo Grande, Vicente Anastácio, Malaquias Aguirre, Miguel J. de Castro, Thomas Trindade e Cassiano M. de Souza, além da construção de ponte concreto armado sobre o córrego Sucuri.

A Secretaria de Infraestrutura (Seinfra) está executando ainda a implantação e pavimentação asfáltica das rodovias MS-450, trecho ligando Palmeiras/Piraputanga/Camisão, numa extensão de pouco mais de 18 quilômetros, e da MS-347, trecho de 3,74 quilômetros no acesso ao frigorífico da cidade.  Está sendo executada também o projeto de pavimentação asfáltica e drenagem de águas pluviais da rua Campo Grande, entre a avenida Reginaldo Lemes da Silva e rua Tomas de Andrade.

Na área de saneamento, por meio da Sanesul, estão sendo aplicados recursos da ordem de R$ 6,855 milhões para melhorar o atendimento à população no fornecimento de água tratada e esgotamento sanitário.

Outra área prioritária atendida pelo governo de Reinaldo Azambuja é a habitação. Os investimentos da Agência Estadual de Habitação Popular (Agehab) somam R$ 1,38 milhão, com recursos federais e contrapartida de R$ 386 mil do Governo do Estado. Já foram entregues 40 moradias e outras 10 estão sendo construídas. E para dar tranquilidade aos moradores, a Agehab entregou o título definitivo a 19 famílias do conjunto habitacional Dorcelina Folador.

Participaram da audiência o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Paulo Corrêa; deputado federal Beto Pereira; secretários Sérgio de Paula (Articulação Política), Eduardo Riedel (Segov), Jaime Verruck (Semagro), Maria Cecília Amendola da Mota (Educação) e Geraldo Resende (Saúde); secretários-adjuntos Flávio Cesar (Segov), C. Barbosa (Sejusp) e Luis Roberto (Seinfra); consultora legislativa Ana Carolina Ali; diretor-presidente da Sanesul, Walter Carneiro Junior; diretora-presidente da Agehab, Maria do Carmo Avesani Lopes; e o assessor de Planejamento da MSGÁS, Valter José Bortoletto.

A reunião contou ainda com as presenças do presidente da Câmara Municipal, Eder Aguiar Viana, dos vereadores Higor Caxias, Lailson Carvalho de Oliveira, Zé Menezes, Aparecido Camilo de Oliveira, Juliano dos Santos Silva e Roseli da Silva Gomes e da secretária municipal de Assistência Social, Elaine Saraiva.

BOLETIM RÁDIO

 

FOTO EM ALTA RESOLUÇÃO

Foto: Chico Ribeiro

Subsecretaria de Comunicação MS