Parque da Nações Indígenas é cenário da homenagem aos pais do CEI ZEDU


Beatricce Bruno Categorias: Fonte: Portal do Governo de Mato Grosso do Sul 266 visualizações

Envolvidos com muita brincadeira, atividades artísticas e bem próximos da natureza, familiares e crianças dão boas-vindas ao Dia dos Pais

Campo Grande (MS) – Não basta ser pai, tem que participar. Essa foi a tônica da festa de comemoração ao Dia dos Pais realizada pelo CEI ZEDU, neste sábado (12.08), no Parque das Nações Indígenas. Mais de 370 papais aproveitaram a manhã ensolarada, num cenário escolhido a dedo, para brincarem com seus filhos nas dezenas de oficinas planejadas pela direção e professores do centro infantil.

A diretora Carla Castro quer ampliar as atividades no parque

Não tinha como ficar de fora, atividades como empinar pipa, corrida do saco, pinturas artísticas no papel e na pele, ski papelão, passeio a cavalo, contação de histórias e outras tantas brincadeiras levaram pais e filhos ao mundo da diversão.

A ideia de atrair as famílias para um período de lazer no Parque da Nações foi da diretora Carla Castro. Ela conta que queria romper os muros da escola e proporcionar um tempo de confraternização que envolvesse toda a família. “Batizamos como o dia da família porque queria que as pessoas saíssem da rotina e fossem aproveitar esses momentos num parque maravilhoso como esse”, frisou.

Berçário teve espaço exclusivo para a prática de atividades

 

A proposta deu tão certo que a escola já está planejando outras atividades no Parque das Nações. “O parque só tem razão de ser quando ele está cheio e hoje ele está florido com tanta criança”, completou.

As coordenadoras pedagógicas Márcia Ximenes e Jéssica Barbosa também ficaram satisfeitas com o resultado da ação. Seguindo a premissa de que pai deve ser presente na vida dos filhos, a programação não poderia ter tido melhores resultados. “Conseguimos o nosso objetivo de promover a interação das famílias. Hoje, a rotina diária não deixa muito tempo para os pais e por essa razão criamos o ambiente para eles brincarem com seus filhos”, explicou Márcia.

As coordenadoras Márcia e Jéssica (no centro) comemoram com a equipe de professores

Do quadro dos 80 professores do CEI ZEDU, todos abraçaram a ideia. “Quando mencionamos a possibilidade, todos os professores se envolveram e foram atrás para realizar as oficinas que oferecemos hoje aqui”, explicou Jéssica.

Pai, mãe e pães

Quem conferiu de perto a festa dos Dia dos Pais no Parque das Nações Indígenas aprovou a ideia e ficou com gostinho de quero mais. O servidor Valdenir dos Santos ficou satisfeito com a iniciativa da creche de utilizar o parque para eventos da comunidade escolar.

 

O casal de servidores Valdenir e Nelsa aprovaram a iniciativa e pedem mais atrações

“Achei fantástico porque proporcionou mais interação com as outras famílias, descontração e diversão com as crianças, num ambiente favorável para essas atividades, só espero que tenha mais evento durante o decorrer do ano e que envolvam toda a família aqui no Parque das Nações”.

Paula Dias também saiu satisfeita. “Excelente iniciativa de fazer a confraternização no parque porque é um ambiente de todos, arborizado, gostoso, confortável com muita sombra e as crianças amam porque estão perto da natureza”, completou.

Mais do que lembranças, atividades reforçam relação familiar

As atividades realizadas no Parque das Nações em comemoração ao Dia dos Pais, contou com a parceria da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros que levaram cavalos e os cães para o deleite da criançada.

Nossa praia  

A utilização do Parque das Nações para o Dia dos Pais não se limitou a escola infantil do Parque dos Poderes. Diversas instituições dividiram o espaço na manhã deste sábado para levarem alunos e familiares, também dentro da proposta de lazer ao ar livre e em contato com a natureza.

E, por conta deste cenário, o governador Reinaldo Azambuja autorizou, em julho deste ano, investimento de R$ 1.255.086,89 para reforma no Parque das Nações Indígenas. Com recursos próprios, o Governo fará obra de acessibilidade em 10 banheiros e nos mirantes das estruturas de cinco quiosques (chamados de Núcleos de Apoio Básico), dentre eles, quatro de uso público, além da Base de Policiamento da Polícia Militar.

Crianças se divertem com os cachorros do programa Cão Terapia do Corpo de Bombeiros

Piquenique é um dos programas favoritos de quem tem o hábito de visitar o parque

Serão reformadas também as guaritas e os portões das portarias da avenida Afonso Pena e da rua Antônio Maria Coelho; toda a extensão das grades do Parque (incluindo cercas de fechamento com tela); as três quadras poliesportivas, a quadra de areia e a pista de skate (com pintura do piso e substituição da iluminação); substituição de tomadas, troca de luminárias, instalação de espelhos nas caixas de tampa cega. 

 

Texto e fotos: Beatricce Bruno (Subcom)